Vacinação contra poliomielite vai até sexta; mais de 95 mil crianças ainda precisam ser imunizadas em SC

 Vacinação contra poliomielite vai até sexta; mais de 95 mil crianças ainda precisam ser imunizadas em SC

A campanha de vacinação contra a poliomielite termina na sexta-feira (13) em Santa Catarina, mas a meta de 95% do público-alvo ainda não foi alcançada. Segundo a Diretoria de Vigilância Epidemiológica (Dive-SC), até esta terça (10) pouco mais de 70% das crianças entre 1 e 4 anos haviam sido imunizadas. As doses podem ser tomadas gratuitamente nas salas de vacinação.

Em todo o estado, a meta é vacinar 342.825 crianças de 1 a 4 anos. Até esta terça, tinham sido imunizadas 247.673. Na capital, só 36% das crianças receberam a dose.

Balneário Barra do Sul, no Norte, é a cidade com a menor cobertura vacinal em Santa Catarina: 16,11%. Das 453 crianças que deveriam ser imunizadas, 73 receberam a dose.

Em Joinville, também no Norte, maior cidade do estado, mais de 10 mil crianças ainda não tomaram a gotinha que previne contra a paralisia infantil. Foram vacinadas 18.085 crianças, o que corresponde a 63,73% da meta. A campanha começou em 4 de outubro.

Cuidados na prevenção à Covid-19

Como a campanha ocorre em meio à pandemia do novo coronavírus, serão tomados os seguintes cuidados para evitar o contágio da doença:

-vacinas devem ser aplicadas em salas bem ventiladas e desinfetadas com frequência;

-salas de vacinação devem disponibilizar álcool em gel para que população possa higienizar as mãos;

-jovem que será vacinado só pode ter um acompanhante;

– pessoas com suspeita ou confirmação de coronavírus devem adiar a vacinação até, —- pelo menos, três dias depois do desaparecimento dos sintomas, com tempo mínimo de isolamento de 14 dias do início dos sintomas.

Campanha multivacinação

Além da imunização contra a poliomielite, ocorre em paralelo a campanha multivacinação, que tem como público-alvo crianças e adolescentes de até 15 anos. Neste caso, não há uma meta específica, o objetivo é atualizar a caderneta de vacinação. Para este público-alvo, as doses disponíveis são:

-Febre amarela

-Tríplice Viral (sarampo, caxumba e rubéola)

-dT (difteria e tétano)

-Meningocócica ACWY (doença meningocócica ACWY)

-HPV quadrivalente (HPV tipos 6, 11, 16 e 18)

-Poliomielite

-BCG (formas graves de tuberculose)

-Hepatite B

-Pentavalente (tétano, difteria, coqueluche, Haemophilus influenzae b e hepatite b)

-Rotavírus (diarreia por rotavírus)

-Pneumocócica 10 (doença pneumocócica invasiva para os 10 sorotipos)

-Meningocócica C (doença meningocócica C)

-Tetra Viral (sarampo, caxumba, rubéola e varicela)

-DTP (difteria, tétano e coqueluche)

-Hepatite A

-Varicela (catapora)

As doses podem ser tomadas gratuitamente nos postos de saúde.

Fonte: G1 SC

Victor Hugo

Related post