SC tem sete rios em situação de emergência e 23 cidades com alerta para estiagem

 SC tem sete rios em situação de emergência e 23 cidades com alerta para estiagem

A estiagem que atinge Santa Catarina nos últimos meses já colocou em situação de emergência ao menos sete rios. Segundo o mais recente boletim da Defesa Civil e Secretaria de Desenvolvimento Sustentável, na segunda-feira (9), ao menos 23 municípios estão em alerta por conta da falta de chuva. O documento mostra ainda que a precipitação no mês de outubro foi abaixo da média neste ano.

Considerado um dos meses mais chuvosos do ano para o Estado, outubro registrou a marca de 20 dias sem chuva em grande parte das regiões. No Oeste, eram esperados entre 190 e 250 milímetros, mas os valores ficaram entre 120 e 200 milímetros abaixo da média. Já no Vale do Itajaí e Planalto Sul, as chuvas ficaram abaixo dos 120 e 160 milímetros. Já nas demais regiões, o número foi menor do que 40 a 120 milímetros.

Na relação de cidades, a região Oeste é a mais crítica. Dos 295 municípios, 160 estão em estado de normalidade, 88 em atenção, 23 em alerta. Dez foram classificados como crítico frente à estiagem. Outros 14 ainda não encaminharam informações sobre a situação.

Rios

Em 14 rios monitorados pela Epagri/Ciram, a situação é considerada emergencial em pontos de sete. Classificados com alerta, estão locais de pesquisa de quatro outros. Em atenção estão outros quatro.

Atenção

Rio Itajaí-Açu – Taió, Vidal Ramos

Rio Tubarão – São Martinho

Jacutinga – Concórdia

Rio Negro – Rio Negrinho

Alerta

Rio Canoas – Otacílio Costa

Rio Canoinhas – Canoinhas

Rio Itajaí-Açu – Salete, Taió e Vitor Meireles

Rio Jacutinga – Concórdia

Emergência

Rio da Antas – Mondaí

Rio Itajaí-Açu – Alfredo Wagner, Blumenau, Chapadão do Lageado e José Boiteux

Rio Tijucas – São João Batista

Rio do Chapecó – Coronel Freitas e São Carlos

Rio do Peixe – Joaçaba e Tangará

Rio Jacutinga – Concórdia

Rio Camboriú – Camboriú

Fonte: G1 SC

Victor Hugo

Related post